O Desenvolvimento do Wushu Moderno

Segundo Yu (2003), em 1938 o governo criou o instituto central de wushu na cidade de Nan Jing, e isto desencadeou a criação de institutos de wushu em várias regiões. O instituto central de wushu organizou dois festivais de wushu entre 1928 e 1932.

Em 1936 uma equipe chinesa de wushu visitou o sudeste da Ásia realizando várias demonstrações. No mesmo ano, em Berlim realizaram um feito inédito, a primeira apresentação de wushu em jogos olímpicos.

Em 1950 o presidente Mão solicitou aos mestres de artes tradicionais como Zhang Wen-guang, Wang Zi-ping, Sha Guo-Zeng e Chai long-Yun que utilizassem as artes marciais tradicionais como base para a criação de um novo esporte para a sociedade moderna. O wushu moderno enfatizou a saúde, exercício físico, desempenho atlético e não a luta, mas esta nova modalidade deveria expressar seu espírito marcial, menciona Yu (2003).

Em 1953 o wushu moderno foi destaque na Competição Nacional de Esportes Tradicionais, no mesmo ano passou a integrar a grade curricular das faculdades de educação física. Em 1956, com a criação da Assossiação Chinesa de Wushu, o wushu moderno passou a ser uma modalidade oficial em eventos competitivos oficiais. No ano de 1958, a comissão de esportes do estado começou a montar um conjunto de regras, que futuramente passariam a ser as regras oficiais de wushu moderno. Foram criadas rotinas básicas de várias modalidades como Chang Chuen, Nan Chuen, Tai Chi Chuan, etc… para facilitar o aprendizado de iniciantes, e esta ação acabou popularizando o wushu moderno, menciona Yu (2003).

Segundo Yu (2003), durante a primeira Conferência Nacional de Wushu, foram traçadas novas metas para o desenvolvimento do mesmo, a Comissão de Cultura Física e Esportes do Estado e a Associação Chinesa de Wushu, orientaram associações, escolas, sociedades de pesquisa e centros de treinamento de wushu moderno, que se expandissem por cidades, regiões e províncias, promovendo o wushu moderno em larga escala, assim as escolas passaram a introduzir o wushu moderno no programa de educação física. Foram criados cursos de graduação e pós-graduação em faculdades e universidades de educação física, que acabaram organizando equipes universitárias, e em 1996 foi criado o 1º curso de mestrado.

Yu (2003), menciona que em 1986 o governo chinês aprovou a criação do Instituto de pesquisa de wushu com o objetivo de conduzir e orientar pesquisas técnicas e acadêmicas sobre o wushu moderno.

Para resgatar o legado cultural, foram realizadas várias pesquisas sobre o wushu moderno, escavações foram realizadas para coletar dados de grande importância. Todas as atenções foram voltadas às rotinas compulsórias, as experiências realizadas com o sanshou se iniciaram em 1989. Com o objetivo de promover o wushu moderno mundialmente, mostrando seus benefícios à saúde e bem estar físico que as pessoas iriam adquirir com a sua prática, o governo enviou equipes para diversos países para realizarem palestras e demonstrações, menciona Yu (2003).

Yu (2003), cita outras datas importantes no desenvolvimento do wushu moderno, sendo elas:

  1. a) 1985 – Realização do 1º torneio-convite internacional de wushu em Xian e a formação do comitê preparatório da federação de wushu.
  2. b) 1986 – 2º torneio-convite internacional de wushu em Tian Jin.
  3. c) 1987 – 1º campeonato asiático de wushu em Yokowama, Japão e a fundação da federação de wushu da Ásia.
  4. d) 1988 – Realização do festival internacional de wushu na China, competição internacional de formas e o torneio internacional de desafios de luta em Hang Zhou e Shen Zhen.
  5. e) 1989 – Realização do 2º campeonato asiático de wushu como evento competitivo oficial em Hong Kong.
  6. f) 1990 – introdução do wushu no Xi, jogos asiáticos em Beijing e a fundação da IWUF.

Com profissionalismo e persistência, a International Wushu Federation se tornou uma organização conhecida mundialmente com mais de 77 membros em todo o mundo. Em junho de 1999, a International Wushu Federation foi reconhecida pelo Comitê Olímpico Internacional, após 64 anos de estruturação, organização e dedicação ao wushu moderno. Desde sua criação, foram realizados 7 campeonatos mundiais, na China, EUA, Itália, Hong Kong, Armênia e Macau, sendo realizados a cada dois anos, menciona Yu (2003).

Leia também:

Referências Bibliográficas

ACHOUR JR, A. Flexibilidade: Teoria e prática. Londrina: Editora Atividade Física e Saúde, 1998. BARBANTI, V. J. Dicionário de educação ...
Leia Mais

Wushu e os Sistemas Cardiovascular e Respiratório

Sistema Cardiovascular Segundo Serrato (2004), as seqüências técnicas de wushu são compostas de 32 a 60 movimentos, sendo executadas de ...
Leia Mais

Capacidades Físicas do Wushu

Força Segundo Foss e Keteyian (2000), força é a tensão que um músculo ou um grupo muscular consegue exercer contra ...
Leia Mais

História da Federação Paulista de Kung Fu

Em 1986 os principais expoentes do Wushu no Estado de São Paulo passaram a se reunir com o objetivo de ...
Leia Mais

A introdução do Wushu no Brasil

Marrera (2003) cita que o Wushu foi introduzido no Brasil na década de 60, devido à imigração dos primeiros mestres ...
Leia Mais

Rotinas Compulsórias do Wushu

Segundo Yu (2003), atualmente existem 10 rotinas compulsórias oficiais, divididas em 3 categorias, sendo elas: a) Rotinas de mãos livres, ...
Leia Mais