Pular para o conteúdo

As hemorroidas podem ser perigosas – entenda os sintomas e quando procurar ajuda médica

Hemorroidas são um problema de saúde que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Embora muitas vezes sejam vistas como uma questão embaraçosa e desconfortável, as hemorroidas podem ser extremamente dolorosas e podem comprometer significativamente a qualidade de vida. Com sintomas como dor, coceira, inchaço e sangramento, as hemorroidas podem ser um desafio para quem as enfrenta. É importante entender as causas, sintomas e opções de tratamento para prevenir e tratar esse problema de saúde de forma eficaz e recuperar o bem-estar e conforto. Continue a leitura!

O que são hemorroidas?

Hemorroidas são veias inchadas e inflamadas que se desenvolvem no reto ou no ânus. Essas veias são parte do sistema circulatório que ajuda a controlar a passagem das fezes. Quando as veias se tornam dilatadas e inflamadas, podem causar sintomas dolorosos e desconfortáveis.

As hemorroidas podem ser internas ou externas. Hemorroidas internas são veias inflamadas que se desenvolvem acima do esfíncter anal . Essas hemorroidas geralmente causam dor, sintomas agudos e podem causar sangramento após a evacuação. Hemorroidas externas, por outro lado, são veias inflamadas que se desenvolvem na borda do ânus. Essas hemorroidas podem ser dolorosas e sensíveis, especialmente durante a evacuação.

O que causa hemorroidas?

As hemorroidas podem ser causadas por uma combinação de fatores que afetam o fluxo sanguíneo nas veias do ânus e reto. Algumas das principais causas das hemorroidas incluem:

  • Constipação crônica: A constipação pode causar esforço excessivo durante a evacuação, o que aumenta a pressão nas veias do ânus e reto e pode levar ao desenvolvimento de hemorroidas.
  • Gravidez: Durante a gravidez, o útero em crescimento exerce pressão sobre as veias na pélvis, o que pode levar ao desenvolvimento de hemorroidas.
  • Obesidade: O excesso de peso pode aumentar a pressão nas veias do ânus e reto, aumentando o risco de hemorroidas.
  • Falta de atividade física: O sedentarismo pode levar a uma diminuição da circulação sanguínea, o que pode aumentar o risco de hemorroidas.
  • Envelhecimento: Com o envelhecimento, as veias do ânus e reto podem perder elasticidade, o que pode torná-las mais suscetíveis ao desenvolvimento de hemorroidas.

Outros fatores de risco incluem dieta pobre em fibras, esforço excessivo durante a evacuação, diarreia crônica, histórico familiar de hemorroidas, sexo anal e fatores genéticos. É importante adotar um estilo de vida saudável e buscar tratamento adequado se você estiver sofrendo de sintomas de hemorroidas para aliviar o desconforto e prevenir recorrências.

Principais sintomas das hemorroidas

Os principais sintomas das hemorroidas podem variar de pessoa para pessoa, dependendo da localização e gravidade das hemorroidas. Alguns dos sintomas mais comuns incluem:

  • Dor ou desconforto ao sentar, especialmente durante longos períodos;
  • Coceira ou irritação no ânus;
  • Inchaço ou sensação de inchaço ao redor do ânus;
  • Sangramento vermelho brilhante durante a evacuação ou na roupa íntima;
  • Descarga mucosa do ânus;
  • Sensação de evacuação incompleta, mesmo após uma evacuação;
  • Nódulos dolorosos ao redor do ânus, especialmente em caso de hemorroidas externas;
  • Dificuldade ou dor durante a evacuação.

É importante lembrar que muitos desses sintomas também podem ser causados por outras condições, como fissuras anais, abscessos anais, câncer colorretal, entre outras. Portanto, é importante procurar um médico se você estiver sofrendo de sintomas anais para receber um diagnóstico adequado e um tratamento eficaz.

Principais tratamentos para hemorroidas

Existem várias opções de tratamento para as hemorroidas, que variam de acordo com a gravidade e localização da condição. Alguns tratamentos mais comuns incluem:

  • Mudanças no estilo de vida: Adotar um estilo de vida saudável, com uma dieta rica em fibras, beber bastante água, praticar atividade física regularmente e evitar o sedentarismo pode ajudar a prevenir e aliviar sintomas de hemorroidas.
  • Pomadas ou supositórios: Existem pomadas e supositórios que contêm corticosteroides, que podem ajudar a reduzir a inflamação e aliviar a coceira e a dor.
  • Tratamento com laser: O tratamento com laser pode ajudar a reduzir a dor e o desconforto causados pelas hemorroidas, além de ser menos invasivo do que outros procedimentos cirúrgicos.
  • Ligadura elástica: Esse procedimento é utilizado para tratar as hemorroidas internas. Um pequeno elástico é colocado na base da hemorroida, interrompendo o fluxo sanguíneo e fazendo com que a hemorroida seque e caia.
  • Hemorroidectomia: Esse procedimento cirúrgico é utilizado para tratar as hemorroidas graves ou aquelas que não respondem a outros tratamentos. Durante a hemorroidectomia, as hemorroidas são removidas cirurgicamente.
  • Escleroterapia: Esse tratamento envolve a injeção de uma solução química nas hemorroidas, que faz com que elas encolham e desapareçam.

É importante lembrar que cada pessoa é única e que o tratamento mais adequado deve ser determinado por um médico, após uma avaliação completa dos sintomas e da condição.

Veja também

Artroscopia no joelho, saiba o que é e como é realizada?
O que é Condromalácia Patelar?
Diabetes tipo 2 | Exercícios regulares ajudam no controle dos níveis de açúcar no sangue
O que é tendinite, causas, fatores de risco e tratamento?

10 dicas para prevenir as hemorroidas:

1- Mantenha uma dieta rica em fibras: Consuma alimentos ricos em fibras, como frutas, vegetais e grãos integrais, para ajudar a manter o trato intestinal saudável e prevenir a constipação.

2 – Beba bastante água: Beba bastante água e outros líquidos para manter-se hidratado e facilitar a passagem das fezes.

3 – Evite esforçar-se durante as evacuações: Evite esforçar-se durante as evacuações, pois isso pode aumentar a pressão na região anal e causar o surgimento de hemorroidas.

4 – Faça exercícios regularmente: Pratique exercícios regularmente para ajudar a manter o trato intestinal saudável e prevenir a constipação.

5 – Evite ficar sentado ou em pé por longos períodos: Evite ficar sentado ou em pé por longos períodos, pois isso pode aumentar a pressão na região anal e causar o surgimento de hemorroidas.

6 – Não segure a vontade de evacuar: Não segure a vontade de evacuar e vá ao banheiro assim que sentir necessidade.

7 – Use papel higiênico macio: Use papel higiênico macio e úmido para limpar a região anal após as evacuações.

8 – Evite alimentos picantes: Evite alimentos picantes, que podem irritar a região anal.

9 – Mantenha um peso saudável: Mantenha um peso saudável para ajudar a reduzir a pressão na região anal.

10 – Não use laxantes regularmente: Evite o uso regular de laxantes, pois eles podem causar danos ao trato intestinal e aumentar o risco de desenvolvimento de hemorroidas.

Perguntas frequentes sobre hemorroidas

O caroço da hemorroida desaparece?

O caroço da hemorroida pode desaparecer com o tratamento adequado. Dependendo do grau da hemorroida, pode ser necessário tratamento cirúrgico ou outros procedimentos para reduzir o tamanho do caroço. Além disso, a adoção de hábitos saudáveis, como dieta rica em fibras, ingestão de líquidos e exercícios físicos, pode ajudar a prevenir o reaparecimento de hemorroidas.

Hemorroida é contagiosa?

Hemorroida não é uma condição contagiosa, ou seja, não é transmitida por contato direto ou por meio de fluidos corporais.

Nimesulida é bom para hemorroida?

A nimesulida é um anti-inflamatório não esteroide que pode ser utilizado no tratamento sintomático da dor associada à inflamação das hemorroidas. No entanto, é importante lembrar que o uso de qualquer medicamento deve ser feito sob orientação médica, uma vez que a automedicação pode ser perigosa.

Quais os anti-inflamatórios para hemorroidas?

Alguns exemplos de anti-inflamatórios utilizados no tratamento das hemorroidas incluem ibuprofeno, diclofenaco e naproxeno. No entanto, a escolha do medicamento e a dosagem apropriada devem ser feitas pelo médico, levando em consideração o quadro clínico do paciente.

Por que hemorroida coça tanto?

A coceira na região anal é um dos sintomas comuns das hemorroidas. Isso ocorre devido à irritação e inflamação da pele ao redor do ânus. A coceira pode ser aliviada com a adoção de hábitos saudáveis, como manter a região anal limpa e seca, evitar roupas apertadas e utilizar cremes ou pomadas para aliviar a coceira.

O que é doença de crohn?

A doença de Crohn é uma condição inflamatória crônica do trato gastrointestinal que pode afetar qualquer parte do sistema digestivo, desde a boca até o ânus. Os sintomas incluem dor abdominal, diarreia, perda de peso e fadiga. A doença de Crohn não tem cura, mas pode ser tratada com medicamentos e mudanças na dieta.

Hemorroida pode virar câncer?

Hemorroidas não têm relação com o câncer colorretal. No entanto, é importante manter uma rotina de exames preventivos, como a colonoscopia, para diagnosticar precocemente o câncer colorretal e aumentar as chances de cura. Alguns sintomas comuns do câncer colorretal incluem sangue nas fezes, dor abdominal, alterações no hábito intestinal e perda de peso sem causa aparente.

A adoção de hábitos saudáveis, como uma dieta rica em fibras, a ingestão adequada de líquidos e a prática regular de atividades físicas, pode ajudar a prevenir o desenvolvimento de hemorroidas e reduzir o risco de recorrência. É importante lembrar que qualquer sintoma anorretal deve ser avaliado por um médico para determinar o diagnóstico correto e o tratamento adequado.

plugins premium WordPress